terça-feira, janeiro 27, 2009

Alternativa à n10 e o Freeport

No Concelho do Seixal para se abater uma centena de sobreiros, para se construir uma via essencial, foi necessário esperar quase dois anos por um despacho. Neste caso interessava ao governo atrasar a construção da alternativa à nacional 10, prejudicando deliberadamente a população do Concelho do Seixal.

No caso do Freeport que estava engatado com meia dúzia de conversas em família, em tempo recorde obteve-se autorização para construir o projecto comercial, outros int€r€ss€s se impuseram.

Sócrates parece que aprendeu a lição e criou os projectos PIN e os PIN+ e assim é mais fácil ultrapassar os obstáculos legais.

7 Comments:

Blogger Daniel Geraldes said...

Caro Aldeia PP,

dizer que foram abatidos uma "centena de sobreiros" é uma aldrabice de todo o tamanho, foram abatidos 1200 sobreiros, e de 1200 para uma centena, ainda vão 1100 sobreiros.

Mas aposto que foi um mero engano sem intenção.

Por curiosidade já viu as declarações do ex-militante do PCP, o actual Presidente da CM Sines??

E em relação ao Freeport é uma vergonha autêntica. Já começam a ser demais os escandalos em que o nosso 1º ministro é apanhado no meio.

7:03 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ò Aldeão da treta deves-te estar a ver ao espelho, o que deveria acontecer era uma grande auditoria há camara e ás juntas de freguesia .Pois muitos entraram paras as autraquias de mãos abanar e agora é o que se vê.

7:18 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ja agora gostaria de saber como é que a C.M.Seixal faz para ultrapassar os obstaculos legais e abater MILHARES de sobreiros para tirar os dividendos obvios de urbanizações como o Parque Luso onde esta inserido o condominio privado Jardins dos Navegantes, em Corroios ou a Quinta do Cabral na Torre da Marinha e até o centro de estagio do Benfica, o que dirá sobre isto o ecologista Alfredo Monteiro? Já a alternativa á N10 tem muito que se lhe diga , 1200 sobreiros já foram abatidos ilegalmente, interesses e interessados são muitos,hà valores imobiliarios que vão subir, tudo isto claro em prol da população.Por mim tudo bem sempre tenho mais uma alternativa para chegar á Quinta da Atalaia no fatidico mês de Setembro. E tudo isto claro em prol da população .........

Moralis

9:35 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Eu sei que baseando-me em despachos do governo corro o risco de enganar alguem e no despacho refere 101 sobreiros adultos.

9:57 da tarde  
Blogger Ponto Verde said...

Sentimentos pela perda em luta de mais um camarada.

Homenagem no a-sul

10:53 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

ó sr anonimo por amor de deus o há é sem h e autraquias, não sr anonimo é autarquias......mais um que comprou o diploma.....

11:11 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Quem abateu 1200 sobreiros não foi a camâra, foram os proprietários dos terrenos, ou melhor como o tribunal concluiu "desconhecidos".
Para continuar a executar a estrada são mesmo cerca de 100.
Vamos lá a ter conversas interessantes, deixem-se de questões pessoais.

4:17 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home