quarta-feira, novembro 14, 2007

Estradas de Portugal, publicidade nas estradas nacionais, pagar a dobrar?


A Estradas de Portugal é mais um exemplo de como PS/PSD têm gerido mal o dinheiro dos nossos impostos e só o endividamento desta empresa entre 2004 e 2006 é superior ao endividamento de todas as autarquias no mesmo período, normalmente as autarquias são o bode expiatório de todos os governos para esconder as suas debilidades, que comprovadamente se têm mostrado incompetentes para gerir o nosso património, o PS vai entregar nas mãos dos privados as estradas nacionais e quem vai pagar isso, seremos todos nós, serão os nossos impostos e tudo o que resto que lhe virá associado como portagens em Itinerários, expropriações e publicidade, como vinha referido no Diário Económico de ontem.

Qualquer uma das fontes de financiamento de uma forma ou de outra trará graves consequências para nós, mas para já fiquemos pela publicidade e pela publicidade porque será por aí que a nova empresa Estradas de Portugal começará a angariar o máximo de receitas para fazer face à péssima gestão dos sucessivos governos PS/PSD e reforçar a sua depauperada tesouraria. As licenças de publicidade nas estradas nacionais em áreas urbanas são da responsabilidade dos municípios, mas a lei também permite que as Estradas de Portugal cobrem esse serviço, ou seja os comerciantes que pagam a licença de publicidade na Nacional 10 que atravessa a Aldeia de Paio Pires, poderão estar na iminência de ver ser cobrado o mesmo serviço pela Estradas de Portugal o que não faz o mínimo sentido, mas este problema surge porque o governo do partido socialista tem-se demitido da sua responsabilidade de governar e pretende entregar tudo nas mãos dos privados, toda a estória das Estradas de Portugal está muito mal contada pelo governo socialista como se viu pela necessidade de mentir no parlamento.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home