quarta-feira, julho 23, 2008

Não são as de San Fermin, mas são nossas



As sempre espectaculares festas de San Fermin em Pamplona que Ernest Hemingway imortalizou terminaram há bem poucos dias, que apesar da distância não deixo de acompanhar na medida do possível (TV) os seus “encierros”, mas dentro de alguns dias irei acompanhar bem de perto as Festas Populares da Nossa Aldeia de Paio Pires, em Honra da Nª. Sª da Anunciada e no seu programa alem de contar com os espectáculos musicais, o tradicional Festival de Folclore, a sempre agradável actuação dos nossos Banza (este ano foram de quase todo o Concelho), o Grande Premio de Ciclismo, os Fados, as Cavalhadas,a Noite da Sardinha Assada , a Procissão, o Flamenco e as Largadas na Rua José António Rodrigues,.

Durante as Nossas Festas não faltará oportunidade para rever velhos amigos que aproveitam esta altura para regressar à Aldeia, o fenómeno da emigração é de novo uma realidade e foi com satisfação que soube que o M. já está por cá o P. acho que chega hoje e o G. mais próximo das Festas, mas seguramente que muitos outros iremos encontrar.

Podes ver aqui o programa das Festas Populares da Aldeia de Paio Pires

7 Comments:

Anonymous Anónimo said...

E os direitos dos animais que que tão caros são ao nosso PCP?

8:21 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Não há duvida nenhuma que são nossas , mas foi com muita luta que se consegui mudar o local das festas e revitalizar as tradicionais largadas de rua , pois é a unica freguesia que mais anos têm nesta tradição, e ainda bem que alguns cabeças penssantes desta freguesia chegaram há conclusão que teria-se que mudar alguma coisa nessa área, sobre as nossa festas para bem de todos os paiopirenses.
Bem hajam a quem tanto lutou por este acontecimento.
Houve em tempos um dito senhorito que esteve na junta que chegou a chamar a alguém que era um fundamentalista dos touros ainda bem que esse senhor já não pretence a nada dessa instituição para bem da freguesia.
Tenho aqui que dar os meus parabéns há comissão taurina de Paio Pires por todo o trabalho desenvolvido sobre toda esta realidade.
Bem hajam a todos pelo trabalho desenvolvido, e que as tradições de uma população nunca acabem.

10:46 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Sobre as Festas de Paio Pires e a sua localização mais haveria a dizer, mas recordo que quando estas passaram para o Parque de Jogos do Vale D’Abelha e as largadas se realizaram na Praça de Touros a maioria das pessoas ficou agradada com a situação e acredite que muitos ainda preferem esta opção, eu prefiro a Festa nas Ruas e de facto a Comissão Taurina tem feito um bom trabalho em parceria com a Junta de Freguesia, quanto às pessoas que passaram pela Junta felizmente que a nossa Freguesia tem tido o privilegio de contar com pessoas honestas e competentes que têm dado o melhor de si em prol da população e ainda bem que podemos contar com o contributo dos que por lá passaram para bem da nossa freguesia, infelizmente outros por já nos terem deixado fisicamente não podem dar o seu contributo, mas fica o seu grande exemplo.

aldeia pp

11:28 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Eu nunca apoiei as festas no parque de jogos do Paio Pires , as festas são sempre para convivio das pessoas e esse convivio é sempre em qualquer lugar deste Pais na rua e ainda bem que isso acabou , a Praça de touros é para outras actividades taurinas, é pena que a camara não resolva o que está para resolver para que a dita praça seija recoperada afim de lá se dar espectáculos não só taurinos como outros.
Quanto ás pessoas que passaram pela junta nem todos tem sido honestos com a população e eu sei bem o que estou a dizer ok.

4:30 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ok se sabes não se discute mais, mas para mim essa é conversa da treta, eu já referi que também prefiro a Festa nas ruas com todos os inconvenientes que causa a alguns moradores, agora é fácil falar, mas recordo-me quando se mudou de local o “Botas” já não reunia condições para acolher a Festa e houve necessidade de se encontrar uma solução e o campo do Paio Pires foi uma boa solução, quanto à praça de touros é um problema que acredito que com a colaboração de todos será resolvido, quando digo todos digo Paio Pires Futebol Clube proprietário da Praça, Comissão Taurina, Junta de Freguesia e Câmara Municipal do Seixal.

aldeia pp

5:06 da tarde  
Anonymous Futebol said...

Em relação à praça de touros tambem concordo que deveria ser revitalizada, mas convém perguntar quem a colocou inoperativa!!
Ela pertence ao P.P.F.C. e se quem a colocou no estado em que está desistir, o clube necessita de um campo de FUT 7 para as camadas jovens e o local é o ideal.Não esquecer que o clube é futebol e a comissão taurina termina a comissão em 2011.

11:21 da tarde  
Anonymous Hugo said...

Confesso que odeio touradas, e que se há coisa que não gosto é a ligaçao à tauromaquia que este clube tem...

Mas respeito quem goste até porque não sou nenhum extremista, apesar de achar que isto seria uma discussão que daria para vários replys sem fim...

As largadas confesso que fazem-me muito menos confusão do que a pura tourada, e por isso não é algo que conteste a 100%...

Ainda assim, eu tb sou ligado ao futebol, adepto e não só, e acho que a nossa praça de touros, é um espaço único no concelho, cheio de história, com um peso cultural do passado enorme, e que nao se devem colocar as coisas dessa forma, até porque espaço para se fazer um campo de futebol 7 existe felizmente no PPFC em várias áreas...

Acho absurda a ideia de eliminar a praça, pelo simbolismo e historia, pelo que a sua recuperação seria algo a realizar com a maior brevidade, e assim a CM Seixal ficaria com mais predaço importante da nossa historia, mas em condiçoes para realizar eventos...

Por exemplo e comum a queixa de falta de espaços para a realizaçao de concertos? e que tal uma praça multiusos tal qual campo pequeno mas feita a escala da modestia da nossa localidade? Não seria bem mais racional e util do que simplesmente só porque gostamos de futebol mandar tudo abaixo para fazer um campo de futebol 7???

12:32 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home