terça-feira, fevereiro 19, 2008

A seguir poderia ser o Coreto…


A Junta de Freguesia da Aldeia de Paio Pires está a proceder a obras de beneficiação no antigo mercado de Paio Pires, depois de terem reparado e recuperado os antigos Lavadouros Públicos que nos dias de hoje ainda têm procura, mas nessa zona histórica da Aldeia de Paio Pires, ainda existe um local que necessita de obras de beneficiação, falamos do Coreto da Sociedade Musical 5 de Outubro, pois apesar de a colectividade ser a proprietária deste monumento histórico da nossa Aldeia, a Junta de Freguesia da Aldeia de Paio Pires com o apoio da Câmara Municipal do Seixal, poderiam ajudar a preservar esta referência da nossa Aldeia e do Município do Seixal, pois é bem conhecida a tradição da música e das bandas nos jardins do nosso Concelho.

Não poderia falar na 5 de Outubro e não deixar de referir alguma da marginalidade que a rodeia nos últimos tempos, causando alguma insegurança aos moradores, aos jovens e menos jovens que ocorrem às actividades da Sociedade Musical 5 de Outubro o que tem levado alguns a deixar de frequentar a Sociedade, esta zona deverá merecer por parte da GNR grande atenção que já foi alertada para a situação pelos moradores da Aldeia e pela Junta de Freguesia para o facto, como consequência desta insegurança a direcção da Sociedade Musical 5 de Outubro optou por dividir o espaço da colectividade em dois, um para sócios outro para não sócios, na minha opinião esta é uma má solução, mas sobre isso devem-se pronunciar os sócios, não consigo perceber os benefícios desta opção, pois não é separando sócios de não sócios que se resolve o problema de marginalidade existente.

16 Comments:

Anonymous luis lopes said...

Kamarada:você desculpe lá,mas se a junta,tem um mercado,mesmo junto à sua sede, que é uma tristeza e não se preocupa em dinamizá-lo,porque carga de água é que agora anda a gastar dinheiro,num local,que eu saiba,a junta não tinha previsto para lá nada.Até parece que em P.Pires,não há nada mais premente do que o antigo mercado.Veja lá não lhes saia o tiro pela culatra,é que ainda se arriscam a que aquele local seja mais um covil,para gente como aquela que a smena passada,fez o que fez na 5 Outobro.

7:08 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Eu sei que alguns socialistas têm alguma preguiça, pois já se passou mais de meio mandato e não aparecem às reuniões consagradas à oposição, mas para sua informação a Aldeia de Paio Pires não tem um mercado, tem dois, um junto da Junta, outro no Casal do Mercado, na minha opinião já algo ultrapassados, já seria altura de se encontrar uma outra solução para estes mercados. Quanto ao antigo mercado da Aldeia, devido aos seus muitos anos apresenta muitas insuficiências, o telhado está danificado, o portão de entrada é de fácil acesso e necessita de uma pintura, estas razoes são mais que suficientes para uma autarquia intervir num espaço que é seu, pois não se pode exigir aos proprietários que realizem obras nas suas casas e as que são do estado se degradem, só isto seria mais que motivo para se proceder obras naquele local, a isto acresce precisamente os problemas existentes na zona, onde um edifício com um telhado danificado e em que a entrada indevida é mais fácil, logo, é mais propicio a tornar-se um “covil”, o que justifica ainda mais a intervenção que se está a realizar, acho que é fácil entender, assim como é fácil entender o vosso desconhecimento da Freguesia e o porquê de não apresentarem a soluções para ajudarem a resolver os problemas existentes.

10:02 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Meus amigos se a junta anda arranjar o antigo mercado acho muito bem que o façam , pois os eleitos pelo PS na assembleia de freguesia bem lutaram para que isso acontecesse.
Mais val tarde do que nunca .
Não há duvida nenhuma que a freguesia tem muitas outras preoridades como por exemplo uma das promessas feitas pelo actual presidente da camara "as picinas"
Onde é que elas estão talvez em frente da Farmácia Central.

8:16 da tarde  
Anonymous luis lopes said...

Kamarada:já é a segunda vez que leio"não aparecem às reuniões consagradas às oposições",gostava que fosse mais explícito.Será que se estava a referir à reunião para o orçamento?Não brinque comigo.Aquilo é uma reunião para acertar o que acertado estava,o senhor acha então que a oposição fazia lá muita falta?Só se fosse para fazer de bobos da côrte.Acresce que os senhores são useiros em levar à prática as ideias dos outros à posteriori e tomá-las como vossas e para esse peditório o PS já deu.Por fim,folgo muito em saber que vai ao meu encontro quando diz"já seria altura de se encontrar uma outra solução para estes mercados".Já agora,depois das obras concluídas podiam contratar uma empresa para fazer a segurança,porque como muito bem sabe,os jardins e a limpeza de mercados também já estão entregues a privados,assim era só mais um serviço que se criava para ajudar quem tanto precisa.

12:02 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Nuns dias é uma obra desnecessária, noutros é reivindicada há muito tempo é bem elucidativo, quanto à piscina essa continua a ser uma reivindicação da Junta de Freguesia junto da Câmara Municipal, pois não está nas suas competência construir uma, quanto ás prioridades da Junta de Freguesia da Aldeia de Paio Pires penso que os eleitos da oposição na Assembleia de Freguesia PS/PSD/BE concordam com as mesmas pois alem de não comparecerem às reuniões consagradas à oposição (excepção BE), de nenhum ter apresentado qualquer proposta de alteração, também aprovaram ou abstiveram-se quanto ao orçamento e plano de investimentos para 2008, como tal não estão em desacordo com as prioridades da Junta de Freguesia.

12:10 da tarde  
Anonymous luis lopes said...

Kamarada:o senhor que tanto sabe do que se passa na Aldeia será que tem opinião acerca da entrega dos jardins e da limpeza dos mercados a privados.Não me diga que não ha´orçamento para pagar umas horas extras e não há funcionários.Se for essa a sua resposta escusa de responder.Vá lá, puxe pela cabeça e tente uma solução menos onerosa para a junta,a população agradece.

12:15 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Jardineiro que eu saiba há um e é uma espécie de jardineiro que julgo estar praticamente a tempo inteiro nas escolas e como a maior parte dos dedicados trabalhadores da “nossa” Freguesia faz muito para alem da sua função pois há muito que o seu companheiro (carpinteiro) se encontra de baixa, também o número de espaços verdes a cargo da Freguesia aumentou e todos sabemos das dificuldades de se poder contratar pessoal para a função publica, como tal e para dar resposta a uma área em que manifestamente necessitava de resposta o executivo da Junta tomou um opção e adjudicou os espaços verdes por um ano e veremos se foi a melhor opção, uma coisa é certa como os espaços verdes estavam exigiam uma resposta que não era o estado de algum abandono em que alguns se encontravam.

Quanto à limpeza dos mercados, não estamos a falar de um simples varredura e de um balde de água, dois mercados com bancas como as do peixe exigem uma limpeza eficaz e maquinaria própria e essa opção tomada há 10 anos penso que tem sido eficaz, mas para mim quanto aos mercados a principal questão é se ainda se justifica o actual modelo, pois hoje em dias os mercados estão algo distantes da realidade de há 15 anos atrás, quando tenho possibilidade de me deslocar à praça aos dias de semana, verifico que o numero de pessoas é cada vez menor, o que tem levado a que já algum anos os valores pagos pelo “proprietários” das bancas se mantenha idêntico.

Á falta de preocupação dos responsáveis do PS em cumprir com os mandatos para os quais foram eleitos, vou dando por aqui umas ideias para fazerem alguma oposição, é que acredito que o desenvolvimento das sociedades se faz com debate de posições e se for possível contar com boas propostas da oposição melhor, mas infelizmente o PS cai no ridículo de dizer que não apresenta propostas porque o PCP, as apresenta como suas, acho isto tremendamente estúpido, nunca me passaria pela cabeça deixar de apresentar uma proposta que beneficiasse a população só porque no poder estaria o PS. Como gostaria que o PS já tivesse levado à prática diversas propostas do PCP ou de outros partidos, por exemplo no último orçamento de estado ficaria satisfeito se o PS tivesse aceitado a proposta do PCP para a resolução do passivo ambiental da antiga Siderurgia Nacional, mas a postura dos dirigentes PS não é essa, o desenvolvimento da Freguesia e das condições de vida da população não lhes interessa, o que pretendem é o almejado poder, sempre o poder.

1:16 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Isso era o que vocês comunistas criam era ideias trabalhem foi para isso que foram eleitos ou já estão cansados .
Pois só os alentejanos é que se cansam .
Quanto aos mercados houve alguém em tempos que chamava aqueles mauzoléos as futuras bombas de gasolina pois ainda não havia nenhuma na freguesia .
Já se sabia que aquilo iria ser um desastre para se gastar dinheiro , mas na altura um tal Joãozinho nada fez para que isso não se concretizasse enfim é isto a gestão comunista na minha Aldeia.
Quanto há Siderurgia não vale a pena falar, pois não são vocês contra a incineração , então vamos ver feturamente o que vai acontecer naquele espaço.
Quanto aos jardins é uma vergonha o que está acontecer só se vê é erva e nada de limpeza não é verdade , e os carros abandonados o que é que os elementos do executivo estão lá a fazer é só para estarem ao quente dentro dos gabinetes saiam e vão dar a volta há freguesia que foi para isso que foram eleitos .

10:50 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Quem anda sempre cansado aqui por Paio Pires são os dirigentes do PS, pois fazem grande sacrifício para cumprir com os mandatos para os quais foram eleitos, quanto aos meus camaradas que estão no executivo da Junta, não se preocupe por quem corre por gosto não cansa e apesar de todos os condicionalismos criados às freguesias vão continuar o seu bom trabalho.

9:32 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Falemos do Coreto de Paio Pires:
É verdade que o Coreto está em mísero estado e a Junta de Freguesia - actual executivo com dois mandatos seguidos - pouco se importa.
É verdade que em mandato remoto do saudoso Joãozinho, o Coreto foi totalmente recuperado, disso se tendo feito a devida campanha publicitária.
EuMochoSabio
Que aconteceu depois ? Em mandatos seguintes tudo foi permitido naquele local:
- Uso para camarata de sem-abrigo à vista de toda a gente menos das autoridades;
- Uso para actos de vandalismo a toda a hora (dia e noite)e à vista de toda a gente menos das autoridades;
- O Jardim propriamente dito é local que afugenta a frequencia dos mais corajosos, sem ligações à droga,até as autoridades pelos vistos;
- As áreas circundantes aliás, são um bom exemplo quanto à qualidade dos seus frequentadores habituais, dia e noite (Jardim da Quinta do Mirante,Jardim da Soc.5 de
Outubro,Travessa NªSªAnunciada);
Então, caro amigo, está preocupado? Dirija-se à Junta de Freguesia e apresente lá mais uma reclamação, para juntar aquelas que nas Assembleias de Freguesia foram apresentadas não sei quantas vezes. . .
Como sabemos é uso daquele executivo "encher o saco e deixar andar até esquecer". Depois, como sendo coisa, sua faz qualquer coisinha, normalmente próximo das eleições a seguir.

3:48 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Assim que me recorde e como as eleições ainda vem algo longe, neste mandato o actual executivo reparou o exterior do edifico da delegação do Casal do Marco e procedeu a melhorias no interior do mesmo, ampliando o espaço para permitir melhores condições à funcionária que por lá se encontra, no Largo 1º de Maio precederam a obras no Lago dos Patos, nos Sanitários e Parque Infantil, na Av. José António Rodrigues das “ruínas” existentes recuperaram o edifício para servir de balneários aos funcionário da Junta, os antigos Lavadouros Públicos também foram completamente recuperados mantendo ainda nos dias de hoje a mesma função e estão neste momento a executar obras no antigo mercado da Aldeia, em dois anos de mandato fizeram obras em praticamente em todos os edifícios que estão à sua responsabilidade, se esta fosse a realidade do país estou em crer que não assistiríamos ao mau estado dos edifícios públicos um pouco por todo o lado.

4:10 da tarde  
Blogger EuMochoSábio said...

O Coreto, O Mercado, A Junta de Freguesia, os Socialistas e os Comunistas, etc.:
Na verdade, parece que todos ao molho pouco ou nada valem !
Se alguns socialistas têm preguiça, digam-lhes isso na cara e no local próprio.
Parece que o caro amigo também não sabe que as reuniões da Assembleia de Fregueisa não são "consagradas à oposição", são para todos os eleitores em geral e... para você também !
Sobre as obras no antigo mercado, é claro para toda a gente c/ dois dedos de testa que os edifícios degradados devem ser reparados e conservados. Mas do que se trata na realidade é apenas a colocação de um portão em chapa, substituindo o anterior de lagartas e articulado. Para quê? Para evitar intrusões menos desejadas do "mercado da passa"?
Para evitar roubos das mercadorias ali guardadas e destinadas aos pobres da freguesia?
Vá lá saber-se. O melhor será perguntar no local próprio (Junta de Freguesia), já que o habitual "lote de 5 trabalhadores" camarários nada saberá...
Problemas na zona?
É lá possível. Então por ali vive-se como "Deus com os anjos". Não acontece ali nada de anormal. Nada de venda de droga. Nada de troca de seringas. Nada de assaltos aos transeuntes.Nada de ciganos-traficantes disfarçados de pobrezinhos.
Ah, já me esquecia :
Nada de GNR, só de passagem e bem auto-montados...
Esta é a actual crónica desta Aldeia. Está ela mesmo necessitando da vinda do tal D.Payo Perez Correia, para visitar o seu busto à moda do António Variações e dar umas bordoadas a quem as merece...
Ass:EuMochoSábio

4:15 da tarde  
Blogger EuMochoSábio said...

O comentário " Falemos do Coreto de Paio Pires" foi, por erro técnico, atribuído a anónimo quando de facto devería ser atribuído a EuMocho Sábio.
Aqui fica a correcção.
Ass: EuMochoSàbio

4:23 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Reuniões consagradas ao estatuto de oposição são uma coisa, Assembleias de Freguesia outra, parece-me a mim que as obras não passam só por colocação do portão e as roupas que por lá estão já deverão estar impróprias mesmo para os pobres, ou são de fraca qualidade ou a urgência da sua entrega foi-se.

Quanto aos traficantes disfarçados de coitadinhos já estamos mais de acordo e mais do que com umas bordoadas isto resolve-se com uma maior presença das autoridades, mas muito destes problemas de marginalidade que normalmente têm tendencia a gravar-se quando no país também se agravam as injustiças sociais e se é bem verdade que este marginais disfarçados de coitadinhos são uns dos que tiram proveito desta situação, existem outros bem vestidos e calçados que gozam muito a conta disto tudo, esses são marginais disfarçados de doutores e engenheiros e desconfio que com esses o problema não se resolve com policiamento de proximidade.

4:59 da tarde  
Anonymous aldeia pp said...

Quanto ao busto de D. Payo pessoalmente gosto da obra e sobre ela já encontrei opiniões bastante díspares, os que gostam pouco e os que gostam muito, indiferentes tenho encontrado muito poucos o que é bom sinal na minha opinião, ainda sobre D. Payo Peres considero que foi um momento de grande inspiração da pessoa que concebeu o símbolo que permite identificar de imediato a nossa Freguesia.

5:15 da tarde  
Blogger EuMochoSábio said...

Afinal sempre existe um blog de Paio Pires a falar em coisas da terra!
Dá pelo nome de Crónica d'Aldeia, sendo acedido como:
http:// blognaldeia.blogspot.com
Ficamos um pouco mais satisfeitos por saber, ao que lemos,
"não está submetido aos do costume"!
Ass: EuMochoSábio

7:30 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home