terça-feira, outubro 02, 2007

Objectivo eliminar 150 000 empregos

Desemprego inverte tendência e sobe para 8,3 por cento, quem lê este titulo tem a ideia que o desemprego em Portugal tem diminuído, quando e apesar das promessas do PS de criar 150 000 empregos o que infelizmente tem sucedido é o aumento do desemprego, esta triste situação é bem mais grave quando todos sabemos e até temos amigos nossos que se vêm obrigados a procurar a sua sorte lá fora, quando existem empregos, que se podem chamar de muita coisa mas empregos não, mas ao mesmo tempo que a maioria dos portugueses enfrenta estas brutais dificuldades, uma minoria aumenta as suas já brutais fortunas, os mesmos que juntamente com o governo socialista acham que os trabalhadores têm direitos a mais e que a solução passa por uma maior flexibilização do mercado de trabalho, em português corrente facilitar os despedimentos, isto quando na União Europeia a taxa de desemprego média baixou e pela 1ªvez em mais de 20 anos ultrapassamos os espanhóis(na taxa de desemprego) e tudo isto num governo que se diz socialista, mas como eles próprios dizem, socialistas só de nome, o hino do PS apesar de ser a Internacional eles cantam-no com tanta convicção como o Deco canta a Portuguesa, mas a promessa afinal está quase cumprida, o senhor primeiro-ministro não teve culpa que na gráfica os trabalhadores se tenham enganado.

2 Comments:

Blogger Ponto Verde said...

o acrescento às "brutais fortunas" no caso do Seixal são fomentadas por auma autarquia CDU. O caso dos Silvas & Silvas que mandam na autarquia ou de outros que tais ligados ao imobiliário e à especulação...mais ainda virá quando urbanizarem a Siderurgia.

9:53 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Grande treta de donos são os “Silvas” não são capazes de mandar construir uma rotunda em frente à “Assicomate, nem no negócio deles pensam, quanto à siderurgia ela está bem é como está, destruída e sem que ninguém tivesse mexido um dedo para resolver o passivo ambiental que por ali está e já agora mais de 90% dos terrenos em causa são do estado, como tal se está a valorizar alguns terrenos são terrenos que não são de privados.

aldeia pp

9:45 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home