sexta-feira, outubro 12, 2007

Já só falta bater


Ministério da Administração Interna encerrou o caso entre polícia e sindicato dos professores, em 1º lugar gostaria de dizer que os policias que agiram, certamente que não o fizeram por iniciativa própria, não estou a ver dois elementos da GNR da Aldeia de Paio Pires de sua livre e espontânea vontade invadir uma qualquer reunião de um sindicato, o caso da Covilhã foi grave demais para que termine desta forma, como se de um procedimento de rotina se tratasse, se já estávamos perante uma caso preocupante o seu arquivamento sem que se conheçam os responsáveis por esta medida claramente repressiva e que em nada envergonharia a policia dos tempos da outra senhora ainda agravam mais a situação, os tiques de autoritarismo evidenciados por este governo socialista e as recentes leis que visam controlar a justiça, as policias e os jornalistas poderão ter consequências trágicas no futuro, mas podemos sempre estar descansados porque manifestações espontâneas como as que assistimos aquando da vitória de António Costa em Lisboa serão sempre permitidas e não necessitam de autorização e controlo por parte do governo civil, como tal os milhares de lisboetas do Alandroal, Cabeceiras de Basto e Famalicão poderão estar descansados.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home