quarta-feira, março 28, 2007

Taça de Portugal - II

Como sabem, senão sabem ficam a saber o Paio Pires Futebol Clube recentemente elegeu uma nova Direcção que basicamente é a mesma, somente uma ou outra mudança, no anterior mandato conseguiram algo muito importante, recuperam a credibilidade do Paio Pires e equilibraram as contas do Clube, mas quanto ao futebol e o Paio Pires continua a ser um clube de futebol, foi um mau ano, já aqui o dissemos que compreendemos e concordámos com o fim do futebol sénior, que para alem de permitir uma poupança ao clube iria permitir um investimento no futebol de formação, mas o que se assistiu este ano foi a uma deterioração das condições para o futebol de formação e sem uma revolução nos métodos que o Paio Pires utiliza, tememos que dentro de pouco tempo nem a formação restará no Aldeia, porque com poucas condições e sem possibilidades (seniores) para continuar a praticar o desporto que escolheram, o Paio Pires será sempre a ultima opção para os miúdos praticarem desporto e sem praticantes não existe modalidade que resista, por isso e como a altura para preparar a época é agora, já vai um pouco tarde em relação à maior parte dos clubes, mas tendo em conta que tivemos eleições recentemente, compreende-se o atraso, será importante a direcção do Paio Pires Futebol Clube ver que algo que identifica o clube com a Aldeia é o futebol.

É muito importante que se recupere o Clube financeiramente, nem o mau tempo nos poupou, mas também continuámos a dar alguns tiros nos pés, aquela construção no campo, pode ter tido a melhor das intenções, mas o resultado final foi péssimo e não estamos a falar das obras decorrentes do mau tempo, por isso será bom aproveitar quem tem ideias, projecto e vontade para ajudar o Paio Pires a crescer e se existe pessoas assim dentro do Paio Pires não podemos nem devemos correr o risco das desaproveitar e vê-las dentro dalgum tempo a pôr em pratica essas ideias, provavelmente num clube perto de nós, poderá existir algum receio em avançar para algo diferente, mas de uma coisa temos a certeza e esperamos estar errados, o Paio Pires a continuar da mesma forma corre o sério risco de ver o futebol terminar e depois alem de uma praça de touros em ruína, teremos também um campo ao abandono e uma sede cada vez menos frequentada.

Sabemos que os tempos são outros e as colectividades já não conseguem juntar e congregar a comunidade da maneira que faziam, por isso temos de ver, de que forma conseguimos chegar às pessoas e qual a função da colectividade no meio em que se insere e este é um problema do associativismo em geral de norte a sul do país, grande parte das pessoas que estão nas direcções são de uma media etária bastante elevada e a geração que se segue não está para aí virada, este é um problema complexo para o qual não temos soluções magicas, mas algumas ideias um dia com mais tempo voltaremos a ele, mas do que ao Paio Pires se trata e para finalizar reconheço vontade em fazer algo nesta direcção, mas penso que esse algo é pouco mais do que vamos lá manter isto para ver se o clube não fecha as portas e pelo meio fazemos uma ou outra iniciativa, esperamos estar enganados e também reconhecemos que opinar e bem mais fácil que fazer e este texto não pretende ser mais do que isso uma opinião, se quiserem uma critica, mas que pretende ser construtiva.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home