quinta-feira, março 22, 2007

ETAR Municipal do Seixal

A construção da ETAR Municipal do Seixal na Aldeia de Paio Pires orçada em 12,5 milhões de euros, assim como o melhoramento das existentes e das estações elevatórias num investimento global de 40 milhões de euros é de uma grande importância para o melhoramento da qualidade da água do rio de forma a conseguirmos preservar o enorme património ambiental que temos no Concelho, neste tipo de obra haverá sempre aqueles que dizem que é isto não é muito importante, mas esses serão aqueles que não percebem que a construção das ETAR são obras importantíssimas para o nosso futuro e as gerações vindouras condenarão aqueles que hoje não tiverem coragem para avançar com estas obras, o tratamento de efluentes é fundamental e passo a explicar porquê, a merda que fazemos e todas as porcarias que deitamos cano abaixo passa a ser tratada ou seja já não são despejadas no rio, com a vantagem de se aproveitar as aguas para outros usos como por exemplo a rega, ou o aproveitamento das lamas para produzir Biogás.

O início de funcionamento da ETAR que se prevê para 2009 deixará o Seixal com um tratamento de efluentes a 100%, mas certamente não terá direito a pompa e circunstancia porque a comunicação social não gosta destas fábricas de tratamento de merda, que cheiram mal e não são os multiusos de ultima geração que não trazem proveitos nenhuns para a população mas que todos os demagogos gostam de apresentar, para ganhar eleições.

Seria mais fácil à Câmara Municipal do Seixal demitir-se da sua responsabilidade como fez o governo e constituir uma parceria publico-privada, mandar construir um pavilhão multiusos ou um coliseu e assim gastar o dinheiro dos nossos impostos, certamente que seria mais bonito que uma ETAR, provavelmente daria mais votos, mas não fariam tanta falta como faz a ETAR, ainda bem que foi essa a opção da autarquia em vez de obras que embora sejam importantes, não são essenciais para a vida e futuro dos portugueses.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home