terça-feira, novembro 14, 2006

O problema do estado tem sido este.

O problema do deficit que PSD, PS, CDS à vez têm apresentado, tem sido este, os ministros e os secretários de estado, tão de pressa são governantes como no momento a seguir estão na direcção de empresas de algum modo ligadas à função que exerciam, ou o contrario saem das empresas e depois passam para governantes, adjudicando obras, encomendando estudos, contratando serviços, numa total promiscuidade sem que nada lhes aconteça e lesando muitas vezes o estado em milhões e milhões de prejuízo e depois vêm com a treta de apertar o cinto e elegem como bode expiatório os funcionários públicos, tentam destruir o SNS, diminuem as reformas, inventam novas taxas moderadoras, aumentam o Iva ou seja os culpados do despotismo deste senhores passamos a ser todos nós, por isso eles gostam de manter o povo na ignorância, por isso importante hoje não é defender politicas e ideologias, é sim passar a imagem, por isso quando um ministro não consegue explicar o aumento e a criação das taxas moderadoras o problema não esta nesse aumento, nem na defesa dessa medida, está sim na dificuldade de comunicação que o ministro tem, vivemos num faz de conta que eles gostam de alimentar, por isso é muito importante que cada um de nós se interesse e questione o porquê de certas medidas que se tomam e se existem alternativas a essas medidas, quantos de nós fazemos isso ou conhecemos alguém que faça isso, por isso é muito importante questionarmos, procurar esclarecimento, para podermos esclarecermos os outros e não nos tomarem por parvos neste faz de conta em que a nossa opinião somente vale em altura de eleições, mas nem ai pois apresentam um programa eleitoral e depois quando chegam ao governo fazem o contrario do que prometeram, devemos estar presentes em todos os sectores da sociedade (trabalho, colectividades, comissões utentes, movimentos de opinião, etc.) e não vivermos aliados só no nosso mundinho de casa-trabalho, porque se individualmente valemos pouco, juntos temos capacidade para fazer a mudança.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home