Aldeia de Paio Pires

sexta-feira, Julho 25, 2008

Caros amigos a companhia é agradável, mas nos próximos tempos a presença por aqui será esporádica, agora sim entrarei de férias.

Quem zela pelos interesses da população, o senhor vereador? Ou a Comissão de Utentes?


Em Fevereiro de 2008 o senhor vereador Samuel Cruz em mais uma das suas tiradas de grande oportunismo e “totalmente acertadas”, dizia então num profundo momento de humor que o senhor José Sales (porta-voz das comissões de utentes da Saúde da Península de Setúbal), preferia o aprendiz de feiticeiro ao Mestre, por este se referir à idade avançada da maioria dos médicos do Serviço Nacional de Saúde, quando o senhor José Sales pretendia constatar uma realidade, fruto das más politicas exercidas pelos sucessivos governos de PS/PSD, a falta de médicos poderia trazer graves consequências para o Serviço Nacional de Saúde.

Ontem a ministra da saúde afirmou que com as aposentações de médicos previstas nos próximos anos, faltarão muitos médicos de família e especialistas em algumas áreas, tais como, urologia, obstetrícia, pediatria e anestesia, como tal podemos verificar que as palavras do porta-voz das comissões de utentes faziam e fazem todo o sentido, quanto ao senhor vereador podemos ver, que tal como o governo no caso do despedimento dos trabalhadores da Lusosider está a prestar extrema-unção (atenção) e activo em relação ao SNS.

quinta-feira, Julho 24, 2008

Pela Saúde a que temos direito



O governo do PS tem sido marcado por uma governação falhada nos mais diversos sectores como temos assistido dia após dia, mas na Saúde a incompetência tem sido por demais evidente, as notícias de hoje dão-nos uma vez mais prova dessa incompetência, os investimentos reais nos Hospitais EPE irão ter uma redução em relação ao que eram os investimentos previstos, cerca de 50% este ano e cerca de 35% no ano que vem, ou seja serão menos 120 milhões de euros que não vão ser investidos nos hospitais em 2008 e 2009, contrariando os anúncios do governo, sinceramente não me recordo, mas tendo em conta que este governo é só deprimente propaganda, provavelmente aquando dos planos para os hospitais devemos ter tido uma grande operação de marketing a anunciar os investimentos nos hospitais e neste momento o que verificamos que o governo falhou uma vez mais.

No Concelho do Seixal sabemos bem o que tem custado a péssima prestação do governo na área da saúde, fez no dia 17 de Julho um ano que este governo do PS encerrou de uma forma completamente incompreensível os SAP’S de Seixal e Miratejo (Corroios), dificultando ainda mais o acesso da população do Seixal aos cuidados de Saúde a que tem direito, mas a população do Concelho do Seixal não tem desistido de lutar e a petição que as comissões de utentes do Concelho do Seixal promoveram e entregaram na Assembleia da Republica com 40 000 assinaturas, no dia 27 de Novembro de 2007 já foi aceite (15 de Julho 2008) pela Comissão de Saúde e aguarda agora por apreciação em Plenário da Assembleia da Republica, na ultima reunião que a ministra teve com as autarquias de Seixal, Sesimbra e Almada já disse que a reabertura dos SAP’S poderia ser uma realidade, mas o que a experiencia nos tem dito é que isso só será uma realidade se a acção das populações assim o exigirem.

O processo do Hospital no Concelho do Seixal, tem demonstrado que a luta das populações de Almada, Sesimbra e Seixal vale a pena, mas que este é um processo longo e que não podemos baixar os braços, pois corremos o risco de o Hospital se tornar somente uma miragem, pois se hoje existe uma tomada de posição e um compromisso politico assumido que o Hospital no Concelho Seixal é uma necessidade, foi fruto da luta das populações do nosso Concelho, das autarquias e de diversas instituições que se juntaram na Plataforma Juntos Pelo Hospital no Concelho do Seixal, não tivessem existido as petições, a massiva participação pública, as diversas manifestações e o imenso cordão humano em torno da Baía do Seixal e seguramente que a decisão de construir o Hospital no Concelho do Seixal nunca teria sido tomada.

Assim sendo para conseguirmos os cuidados de saúde a que temos direito, temos que continuar mobilizados e manifestarmo-nos pelos serviços de saúde a que temos direito, não é compreensível que o novo Centro de Saúde Corroios seja adiado eternamente, assim como o da Quinta do Conde e que a Freguesia da Aldeia de Paio Pires não tenha serviço de saúde, não é admissível que o processo do Hospital no Concelho do Seixal esteja fechado numa qualquer gaveta do governo há dois anos, não é admissível que mais de 75 000 utentes de Seixal e Sesimbra não tenham medico de família, 50 mil dos quais no nosso Concelho, não é admissível que os utentes e profissionais do Hospital Garcia de Orta sejam sujeitos a condições de atendimento e de trabalho desumanas e com todo este cenário, muito menos será admissível que a solução passe por encerrar serviços de saúde tal como vez o governo do PS.

Só a luta é o caminho

Aldeia News

Hoje recebi a 1ª Aldeia News, espero que seja a 1ª de muitas, recordo-me de em tempos o Aldeia ter um jornal com qualidade que era feito essencialmente por jovens paio pirenses e que contavam com a colaboração de um reconhecido locutor de rádio do nosso Concelho e assumido adepto do Paio Pires Futebol Clube o “nosso” José Pina e o colaborador da Rádio Baía e também paio pirense o José Batista, realizaram de facto um trabalho notável durante algumas épocas com o acompanhamento integral de toda a actividade do Clube, de todas as suas modalidades e escalões, recordo que na altura alem do Futebol, existiam ainda o Basquetebol e o Ciclismo, estas duas últimas modalidades viriam a dar alguns atletas ás nossas Selecções Nacionais, recordo-me da Joana e do Bruno Castanheira por exemplo, espero que sustentadamente o Paio Pires FC possa ir crescendo novamente, por enquanto tudo indica que vai nesse caminho. Só tenho a lamentar que o site do Paio Pires Futebol Clube que estava online e que mantinha alguma actualização esteja neste momento a zeros, espero que seja temporário, resta-me desejar-lhes a continuação de um bom trabalho.

Não gostaria de deixar de referir que tenho assistido a algumas partidas de futebol do Torneio de Futebol 5 que se está a realizar no novo relvado sintético do polidesportivo, tenho apreciado a qualidade de algumas das equipas e fiquei impressionado com a quantidade de pessoas que assistem aos encontros, assistências desta só há alguns anos atrás nos célebres torneio inter-ruas, acho que o Paio Pires FC e a Junta de Freguesia da Aldeia de Paio Pires poderiam recuperar este torneio.

Para subscreveres Newsletter do Paio Pires Futebol Clube basta enviares um e-mail para( paiopiresfc@gmail.com ).




quarta-feira, Julho 23, 2008

Requalificação dos terrenos da antiga Siderurgia

Ontem li declarações do Ministro do Ambiente Francisco Nunes Correia em que ele dizia que se deveria “requalificar áreas que estão sub-utilizadas na Margem Sul" referindo-se aos Concelhos de Almada, Barreiro e Seixal, mais concretamente às antigas áreas industriais da Lisnave, Quimiparque e Siderurgia Nacional na nossa Aldeia de Paio Pires, infelizmente as erradas opções dos governo do PS/PSD levaram à liquidação do nosso aparelho produtivo e não satisfeitos com isso em relação aos antigos parques industriais, tanto PS/PSD mantiveram durante muito tempo uma total inoperância, apesar de terem arrecadado largos milhões apesar das péssimas privatizações que promoveram. Tiveram que ser as autarquias uma vez mais a tomar a iniciativa e juntamente com outras entidades têm apresentados projectos para as áreas em questão, parece que o governo agora acha que o caminho que as autarquias têm seguido é o correcto, veremos o que se segue, pois vindo do PS nunca se sabe, basta recordarmos a posição do PS/Seixal em relação a este assunto de grande importância para o Concelho.

Não são as de San Fermin, mas são nossas



As sempre espectaculares festas de San Fermin em Pamplona que Ernest Hemingway imortalizou terminaram há bem poucos dias, que apesar da distância não deixo de acompanhar na medida do possível (TV) os seus “encierros”, mas dentro de alguns dias irei acompanhar bem de perto as Festas Populares da Nossa Aldeia de Paio Pires, em Honra da Nª. Sª da Anunciada e no seu programa alem de contar com os espectáculos musicais, o tradicional Festival de Folclore, a sempre agradável actuação dos nossos Banza (este ano foram de quase todo o Concelho), o Grande Premio de Ciclismo, os Fados, as Cavalhadas,a Noite da Sardinha Assada , a Procissão, o Flamenco e as Largadas na Rua José António Rodrigues,.

Durante as Nossas Festas não faltará oportunidade para rever velhos amigos que aproveitam esta altura para regressar à Aldeia, o fenómeno da emigração é de novo uma realidade e foi com satisfação que soube que o M. já está por cá o P. acho que chega hoje e o G. mais próximo das Festas, mas seguramente que muitos outros iremos encontrar.

Podes ver aqui o programa das Festas Populares da Aldeia de Paio Pires

sexta-feira, Julho 18, 2008

Ainda a Lusosider


Meu caro Aldeia concordando com o teu texto, deixo aqui a minha crónica desta semana na Rádio Baia que versa sobre este assunto:

É sabido que em Abril de 2008 a LUSOSIDER, depois de ter prometido criar 1.370 postos de trabalho, anunciou o despedimento colectivo de 65 trabalhadores, isto depois de em final de 2007 ter procedido ao despedimento de outros 100 trabalhadores…

Ou seja em vez de criar emprego, promoveu o desemprego!De imediato o PCP denunciou a situação, mormente que a LUSOSIDER estava a promover a importação de produtos siderúrgicos da casa mãe brasileira, utilizando o ramal ferroviário construído pelo Governo não para promover as exportações, com o consequente aumento de emprego, mas sim como infra-estrutura de apoio às importações, com o consequente encerramento de linhas de produção, transformando a empresa em mero entreposto de comercialização.Em denuncia da situação e em solidariedade com os trabalhadores, o PCP apresentou, em Abril deste ano na Assembleia Municipal do Seixal, uma moção em que exigia ao Governo do Partido Socialista que fiscalizasse a actividade da LUSOSIDER, mormente se a empresa estava a ser utilizada como entreposto para a entrada de produtos siderúrgicos brasileiros na União Europeia e que tomasse medidas concretas que salvaguardassem a manutenção dos postos de trabalho actualmente ameaçados na LUSOSIDER.A Moção foi aprovada, mas teve os votos contra dos eleitos do Partido Socialista, que demonstraram deste modo que o Partido Socialista do Seixal não tinha a mínima preocupação com o que se estava a passar na LUSOSIDER e nos trabalhadores ameaçados de despedimento.


Estamos em Julho, o Governo do Partido Socialista nada fez em defesa dos trabalhadores ameaçados de despedimento e a LUSOSIDER já procedeu ao despedimento dos 65 trabalhadores… Os quais já sofrem com a incerteza do seu futuro e das suas famílias.Concretizado o despedimento colectivo dos trabalhadores, veio agora um senhor vereador do Partido Socialista falar sobre o assunto afirmando que “perante as facilidades concedidas pelo Governo não se compreende agora que a LUSOSIDER pretenda despedir mais 65 trabalhadores”Será que este vereador dito socialista andou a dormir durante estes meses? È que “agora” a LUSOSIDER já não pretende despedir… POIS JÁ DESPEDIU! E despediu porque as facilidades que o Governo do Partido Socialista concedeu foram tantas que a empresa fez “gato-sapato” do governo!!! E despediu porque o Governo do Partido Socialista nada fez para obrigar a empresa a respeitar os compromissos assumidos de criar empregos!!! E despediu e o Partido Socialista foi cúmplice com o despedimento, porque votou na Assembleia Municipal contra a Moção apresentada pelo PCP!!!


Pretende agora o senhor vereador querer enganar a população do Seixal e os trabalhadores da LUSOSIDER afirmando que está ao lado dos trabalhadores??? Isto é a mais puro HIPOCRISIA!!!Esta prosa do vereador do Partido dito Socialista é tanto mais hipócrita porque coincide com a apresentação pelo Governo do Partido Socialista de uma proposta de alteração ás leis laborais que visa facilitar os despedimentos, de tal modo que o Presidente da Confederação da Industria Portuguesa já veio afirmar que “o Ministro do Trabalho (do Governo PS) fez melhor do que um Governo de Direita”, e fez melhor não para os trabalhadores, porque o patrão dos patrões não se preocupa com os trabalhadores, mas sim para os capitalistas, demonstrando a submissão do governo do Partido Socialista ao grande capital explorador.Mas hipocrisia das hipocrisias é o vereador do Partido Socialista terminar a sua prosa afirmando que “O Governo está atento e promete intervir com eficácia”Tendo em consideração que o despedimento colectivo dos 65 trabalhadores já foi concretizado é pertinente perguntar: Onde estava a atenção do Governo? E a eficácia?Mas como diz um amigo meu: “Se hipocrisia matasse, o Governo do Partido Socialista já tinha caído por falta de hipócritas que ocupassem os cargos governamentais”!!!

Um abraço
Paulo Silva

Do Seixal para Pequim

Neste fim-de-semana Complexo Municipal de Atletismo Carla Sacramento recebe os campeonatos nacionais de atletismo onde alguns atletas irão tentar pela última vez o apuramento para os Jogos Olímpicos de Pequim e onde poderemos ver em competição os melhores atletas portugueses da modalidade, aqui podes encontrar o programa com os horários das diferentes especialidades

Músicas do Mundo em Sines



Ontem iniciou-se um dos melhores festivais da “World Music”, o Festival Musicas do Mundo (FMM), organizado pela Câmara Municipal de Sines, que já vai na sua 10ª Edição e sempre em crescendo, podes consultar aqui todo o programa e conheceres um pouco mais da história deste fantástico Festival. Também já a histórica é a presença de alguns paiopirenses no FMM de Sines e a comitiva já algum tempo que prepara a sua deslocação, que mesmo sendo falada com antecedência, faz do improviso a sua melhor estratégia.

Festa da Alegria

Os comunistas do Minho, juntamente com muitos outros amigos do Partido irão proporcionar a todos os tenham possibilidade de se deslocar ao Parque de Exposições, em Braga uma grande Festa da Alegria, esta 15ª Edição da Festa assinala o 30º aniversário da 1ª edição (1978-2008), em 1978 muito perto ainda do calor da revolução e quando no Norte do País alguns terroristas perseguiam militantes do PCP e incendiavam Centros de Trabalho, tendo sido o de Braga um dos Centros que foi vandalizado e incendiado, mas em 1978 o povo de Braga demonstrou que estava solidário com o PCP e participou massivamente na 1ª Edição da Festa da Alegria, agora trinta anos depois da 1º edição e cinco anos passados da última edição a Festa está de volta, nesta festa popular poderás encontrar, Rock, Musica Popular e tradicional, Jazz, Folk, Artes de Rua, Gaiteiros, Zés Pereiras, Teatro, Marionetas, poesia,Feira do Livro e do Disco, Espaço internet, Software Livre, Exposições, Debates, tertúlias,Gastronomia, Artesanato e muita luta política, a todos uma boa Festa.

quinta-feira, Julho 17, 2008

Solidariedade para com todas as vitimas do regime colombiano

Já aqui falámos por diversas vezes da Colômbia e do drama do povo colombiano, infelizmente o mediatismo que a Colômbia tem tido na comunicação social do nosso país de nada tem servido para mostrar aos portugueses o complexo problema que o país atravessa, sabemos que existe uma guerrilha, que a Ingrid Betancourt finalmente está em liberdade, sabemos que as FARC não estarão na Festa do Avante, mas mesmo assim fazemos de conta que estarão, pois é uma boa forma de atacar o PCP e tentar de alguma forma boicotar o grandioso acontecimento politico e cultural, na magnifica Cidade da Liberdade, de Solidariedade, de Alegria e que todos os anos os comunistas e outros amigos do Partido e da Festa ajudam a construir na bela Quinta da Atalaia, mas alem disto pouco mais se sabe, como tal informo os especialistas em direitos humanos que na Festa do Avante estará o Partido Comunista Colombiano, terão a sua oportunidade para se dirigirem ao aos comunistas colombianos e manifestarem-lhe a vossa solidariedade, pois em defesa da democracia, da liberdade, dos direitos dos trabalhadores e combatendo a corrupção e os traficantes arriscam a sua vida todos os dias.

Infelizmente foi o que sucedeu com Guillermo Rivera Fúquene comunista e membro do Polo Democrático Alternativo que governa o município de Bogotá, e ainda e sobretudo Presidente do Sindicato dos funcionários da autarquia da capital do país, que como aqui dissemos tinha sido visto pela última vez dia 22 de Abril, às 6.30 da manhã, numa rua do bairro «El Tunal» onde tinha ido levar a filha à escola, em Bogotá, onde reside. Uma testemunha e câmaras de vídeo instaladas no local atestam que foi abordado por um grupo de agentes policiais e foi forçado a entrar num carro da Polícia Metropolitana e viria a ser encontrado morto no dia 15 de Julho, segundo a sua esposa Sonia Betancur de acordo com o relatório da medicina legal o seu marido e pai das suas duas filhas foi selvaticamente torturado, antes de ser assassinado, esta é a realidade da Colômbia que a comunicação social teima em esconder, pois a generalidade da imprensa nacional e internacional nem por um momento se solidarizaram com o Guillermo Rivera Fúquene, nunca se emocionaram com a dor da sua família, nem sequer mostraram interesse em saber o porquê do sistemático assassinato de dirigentes sindicais e activistas de esquerda que se opõem ao regime colombiano.

Patrão dos Patrões considera que o melhor governo de direita é o do PS











"Vieira da Silva fez melhor do que um Governo de direita", “os governos de direita são mais tímidos no que respeita a relações de trabalho, enquanto os de esquerda são mais ousados”

quarta-feira, Julho 16, 2008

A extrema-unção (atenção) do governo à Lusosider











A quinze de Julho de 2008 o vereador Samuel Cruz diz que o governo está atento aos despedimentos que ocorreram na Lusosider na Aldeia de Paio Pires, gostaria de recordar que por aqui já alertávamos para o que sucedia em Novembro de 2007 e seguramente não foi por poderes de adivinhação, infelizmente tive conhecimento desta triste realidade porque de entre os despedidos logo em Dezembro estavam alguns amigos e se alguém teve conhecimento do que se passava em por esta altura foi o governo do PS que ignorou por completo os trabalhadores, pois os que foram despedidos em primeiro lugar, foram os trabalhadores precários aqueles que trabalhavam em alguns dos casos há já alguns anos na Lusosider nessa deplorável situção, já não lhes bastava a sua precária condição, como se viram na infeliz condição de desempregados sem qualquer direito.

Depois foi a ameaça de despedimento colectivo, precisamente por alturas da passagem de ano, algo que foi de imediato denunciado pelo sindicato dos metalúrgicos e que foi desmentido pela administração da empresa e uma vez mais ignorado pelo governo, apesar da denúncia feita pelo sindicato junto dos Ministérios do Trabalho e da Economia. Em Março nova denuncia por parte dos sindicatos junto do governo e em Abril finalmente uma resposta por parte do governo socialista e passo a citar de cor parte do que dizia o governo em Abril de 2008 “os serviços competentes do Ministério Economia não vislumbram qualquer possibilidade de despedimento colectivo na empresa em causa (Lusosider) ” mas como podemos ver segundo o vereador do PS o governo está atento agora em Julho de 2008 depois do despedimento dos trabalhadores, o que seria se o governo não estivesse atento?

terça-feira, Julho 15, 2008

As consequências das políticas de direita


As políticas dos sucessivos governos PS/PSD têm conseguido os seus objectivos, mas ainda não estão satisfeitos, como tal defendem a revisão do Código do Trabalho que terá como inevitável consequência a redução dos salários dos trabalhadores, isto quando sabemos que neste momento em Portugal trinta e cinco por cento dos portugueses pobres têm emprego (trabalho) e esta situação tende a agravar-se com a aprovação da revisão do Código do Trabalho apresentado pelo PS e apoiado pelo PSD e CDS.

Em Outubro de 2007 a deprimente propaganda do governo PS anunciava que os funcionários públicos e por arrasto muitos milhares de trabalhadores do privado pela 1ª vez nos últimos anos os seus salários não perderiam poder de compra, mais uma mentira do governo PS, pois nessa altura já todos sabíamos que a taxa de inflação em 2008 seria bem superior aos 2,1% que o governo previu, em Junho de 2008 já atingia os 3,4% e os produtos alimentares já haviam aumentado quase 6%, a taxa de desemprego essa vai nos 7,5%, recordo que José Sócrates considerava justamente de falhado o governo de PSD/CDS quando a taxa de desemprego andava pelos7,1%, o seu governo não só tem falhado, como ainda continua a penalizar os que menos têm, perante este acentuar das desigualdades é cada vez mais necessária uma ruptura com a politica de direita seguida por PS/PSD e o seu apêndice CDS, pois já demonstraram por diversas vezes que as suas politicas não servem os portugueses.

Gestão da Água – Diferentes Projectos de Futuro


França é a pátria de um dos gigantes privados do “negócio” da Água, a Suez um desses gigantes apropriou-se da gestão e distribuição da água um pouco por todo o mundo contando muitas vezes com a conivência de responsáveis políticos dos mais diversos locais, conseguiram óptimos negócios com a colaboração de políticos tipo Pina Moura, Armando Vara ou Ferreira do Amaral, mas falamos hoje desta multinacional francesa e da capital Paris, porque no país das grandes multinacionais do “negócio” da Água está a suceder algo de muito importante o município de Paris está a remunicipalizar o abastecimento de água, pois uma gestão publica permite oferecer água de qualidade, ao melhor preço e com um alto desempenho pelo serviço prestado, gostaria também de referir que o preço da água em Paris é de 2.77€ por metro cúbico contra quatro a cinco em média nos restantes municípios metropolitanos, dá para vermos bem quanto ganham as multinacionais que operam no sector e quanto perdem os munícipes, o executivo parisiense pretende ainda iniciar a «médio prazo uma reflexão com as outras autarquias» da região «sobre o interesse e as modalidades de uma maior utilização comum, ou seja em França no país do “negócio” das águas pretende-se introduzir o modelo seguido pelas autarquias da Península de Setúbal que recentemente criaram a Associação Intermunicipal de Água da Região de Setúbal composta pelos Municípios de Almada, Alcochete, Barreiro, Moita, Palmela, Seixal, Sesimbra e Setúbal, somente ficou de fora o município do Montijo.

Não é de admirar que também no Seixal, o PS não tenha concordado com esta opção assim como a Câmara do Montijo, pois o objectivo dos dirigentes do PS vai mais no sentido da privatização da água como já sucedeu em alguns municípios socialistas e basta ver que algumas das empresas ligadas à Águas de Portugal já se encontram em fase de privatização como a AQUAPOR, também é bastante esclarecedor que o presidente da Águas de Portugal tenha dito que recebeu do accionista (leia-se governo) orientação para valorizar a empresa a pensar na privatização, ressalvando desde logo que não seria já nesta legislatura, para bom entendedor meia palavra basta.

Esta estratégia de privatizar um bem essencial como a Água por parte dos dirigentes do PS é completamente errada, pois mesmo em França a pátria das multinacionais do negócio da água como a Suez já se constatou que a gestão da água deverá ser de domínio público, infelizmente por cá o PS desejoso dos milhões que poderá arrecadar com esta negociata acha que é moderno conceder a gestão da água a privados e se a situação é diferente na Península de Setúbal é porque a opção politica das autarquias CDU passa por manter a gestão da água no domínio publico, pois essa é uma opção de futuro, de qualidade e a que melhor serve os interesses das populações.

segunda-feira, Julho 14, 2008

Divisão Policial do Seixal

Este ano o Concelho do Seixal teve um reforço de efectivos por parte das forças de Segurança e para este reforço de efectivos muito contribuiu uma vez mais o papel das autarquias, tal como reconheceu o Comandante Matias Diogo, “sem o apoio da Câmara Municipal do Seixal a Divisão Policial do Seixal continuaria, decerto, no plano das ideias”, pois não é demais relembrar que praticamente todas as forças de Segurança do Concelho estão instaladas em edifícios cedidos ou custeados pela Câmara Municipal ou pelas Juntas de Freguesia esta situação demonstra bem a incapacidade dos sucessivos governos do PS/PSD em mais uma área que é da responsabilidade da administração central.

Em Portugal a criminalidade urbana aumentou em 12% no 1º trimestre de 2008, essencialmente os crimes contra o património, como o carjacking, que mais contribuem para este agravamento, por exemplo em Gaia onde existe polícia municipal nos últimos 5 dias houve cerca de 5 ocorrências destas com tiros à mistura, este aumento da violência não pode estar dissociado da cada vez maior instabilidade económica e social em que vivemos, da falta de meios das forças de segurança para que possam agir preventivamente e também do ignorar das justas reivindicações dos agentes das forças de segurança, perante mais um fracasso das politicas do bloco central (PS/PSD) não é admirar que no concelho do Seixal, muito demagogicamente se aponte como solução para a resolução da violência no país que se termine com os boletins municipais e se criem as policias municipais, qual será a demagógica solução local por parte dos gémeos PS/PSD em Gaia (PSD) ou Loures (PS/PSD), perante um problema nacional.

sexta-feira, Julho 11, 2008

Paio Pires Futebol Clube inaugura relvado sintético no polidesportivo


Amanhã o Aldeia irá inaugurar o seu “novo polidesportivo”, pelas 10:00, numa obra que foi financiada pela Câmara Municipal do Seixal, que contou com o apoio da Junta de Freguesia e que teve o trabalho de Sócios e amigos do Clube que por lá têm passado algum do seu tempo de modo a potenciar este novo equipamento desportivo do Paio Pires F.C., espero que este seja o primeiro passo e que dentro de algum tempo o Paio Pires Futebol Clube possa ter o seu campo de futebol onze relvado, infelizmente os governos que temos tido têm ignorado por completo o movimento associativo que muito têm feito pela nossa sociedade e assistimos a despesas de milhões em estádios que não servem para nada e depois não têm um pouco para ajudar a dotar clubes como o Paio Pires Futebol Clube de instalações condignas para a prática desportiva, basta ver como foi o vergonhoso caso do Ginásio Clube de Corroios, a administração central assumiu o financiamento do relvado em 70% e o restante seria da responsabilidade da autarquia, depois deu o dito pelo não dito e já só financiaria 50%, tendo acabado por comparticipar o arrelvamento do campo do Ginásio Clube de Corroios em cerca de 25%, uma vez mais podemos constatar a importância que o governo dá ao desporto, no caso do Paio Pires, assim como do Arrentela estou certo que a Câmara Municipal do Seixal, bem como as Juntas de Freguesia serão parceiros efectivos dos clubes, quanto ao governo tenho sérias duvidas.

Sócrates transforma Robin dos Bosques em ajudante dos Xerifes de Nottingham

Há mais de um mês que o PCP propôs ao governo uma taxa sobre os lucros especulativos das petrolíferas e que essa taxa teria que ser elevada de modo a que as petrolíferas sentissem que a especulação não compensa e pudessem baixar o preço dos combustíveis, o governo do PS achou a proposta demagógica e populista, mas como somos governado por gente que está mais preocupada em governar-se, do que em governar os portugueses o executivo do pseudo engenheiro Chico-esperto José Sócrates aproveitou a proposta feita pelo PCP que visava a diminuição dos preços dos combustíveis para todos nós e para sectores essenciais da economia e transformou uma boa proposta numa forma de o governo sacar mais uns milhões para si e que não serão todos utilizados em prol dos que mais necessitam, basta ver que nas propostas que o governo apresentou ontem que visam alguns sectores da população e as receitas que irá obter com a nova taxa, o governo ficará com um saldo de 20 milhões de euros para si, uma vez mais este governo demonstra de que lado está.

Já sabíamos que os dirigentes do PS enfiaram o socialismo numa gaveta e mandaram a chave fora, agora este desgoverno desfaz o mito do Robin dos Bosques que roubava aos ricos para dar aos pobres, pois o que fará este moderno Robin dos Bosques criado por Jose Sócrates é nada mais do que pedinchar parte do roubo aos ladrões, deixando os Xerifes de Nottingham (GALP, BP, REPSOL) à vontade, para continuarem a roubar os portugueses.

Falemos mais um pouco da Colômbia

Uma vez mais graças a uma preciosa informação do meu amigo e camarada Carlos Almeida, é importante que se saiba: nestes dias de regozijo pela libertação de Ingrid Betancourt, há uma outra mulher colombiana também com esse mesmo apelido - só que escrito Betancur (por ser hispânico e não afrancesado) - de seu primeiro nome Sónia que, desde 22 de Abril, vive horas, dias, semanas e meses de angústia e de dor com a sua pequena filha Chiara Rivera.

É que, desde aquela data, não sabem do paradeiro, estado ou situação de Guillermo Rivera Fúquene, seu marido e pai, comunista e membro do Polo Democrático Alternativo que governa o munícipio de Bogotá, e ainda e sobretudo Presidente do Sindicato dos funcionários da autarquia da capital do país.

Foi visto pela última vez no já referido dia 22 de Abril, às 6.30 da manhã, numa rua do bairro «El Tunal» onde tinha ido levar a filha à escola, em Bogotá, onde reside. Uma testemunha e câmaras de video instaladas no local atestam que foi abordado por um grupo de agentes policiais e foi forçado a entrar num carro da Polícia Metropolitana.

Apesar de todas as iniciativas da família e dos seus companheiros e dos apelos de organizações sindicais internacionais (ver aqui comunicado e carta a Uribe da ITUC (International Trade Union Confederation), quatro meses depois do seu desaparecimento, as autoridades dependentes do Presidente Álvaro Uribe não prestam nenhum esclarecimento cabal sobre este drama (que se deseja não se transforme em mais um crime.)

Daqui lanço um apelo sincero à expressão de formas de solidariedade com Sónia Betancur que permitam salvar a vida de seu marido e do pai da pequena Chiara Guillermo Fúquene. E conto, daqui por 15 dias, poder informar os leitores de «o tempo das cerejas» do número de blogues que se referiram a este assunto.

P.S :Comunicado do Polo Democrático Alternativo

El Comité Ejecutivo Distrital del Polo Democrático Alternativo, reitera públicamente su rechazo por la Desaparición Forzada del compañero Guillermo Rivera Fuquene, dirigente sindical de la Contraloría Distrital y afiliado al PDA, ocurrida el pasado 22 de abril en el barrio el Tunal de la Capital de la República.
Los hechos demuestran que contrario a la propaganda oficial continúan sin existir las garantías suficientes por parte del Estado para ejercer los derechos constitucionales a la vida, la libertad, la organización y la participación sindical y política de los militantes de la oposición en el país. La desaparición del compañero Guillermo Rivera ocurre en un contexto de agudización de la crisis política nacional, en la cual se mantienen y recrudecen estas agresiones directas contra líderes sociales en varias localidades y sectores de Bogotá específicamente.
Es muy preocupante que a un mes de la desaparición de Guillermo Rivera, la efectividad de los mecanismos de búsqueda institucionales sea nula y prime en ellos la decidía y la burocracia a favor de los asesinos y la impunidad.
Los indicios existentes – un testigo y grabaciones de video – conducen a señalar a unidades de la Policía Metropolitana de Bogotá como los responsables del hecho, situación de alta gravedad que exige del Gobierno Nacional y del Gobierno Distrital un pronunciamiento y una acción contundente que castigue a los responsables y ayude a recuperar con vida a Guillermo Rivera.
La dirección Ejecutiva del PDA en el Distrito Capital hace un llamado urgente a la dirección nacional del Partido, a todas sus estructuras locales, a los representantes electos – Alcalde Mayor, Concejales y ediles –, a las organizaciones sindicales y al movimiento de Derechos Humanos nacional e internacional, para que redoblemos las acciones de denuncia ante este hecho y no permitamos que el terrorismo de Estado apague otra vida de un militante del movimiento sindical y de nuestra organización.
Bogotá, Mayo 20 de 2008.
COMITÉ EJECUTIVO DISTRITAL - PDA


Post retirado do tempo das cerejas

segunda-feira, Julho 07, 2008

Onde pára o governo? Ética? Conflito de interesses?



Para não variar o futebol Português continua com os seus sistemáticos vergonhosos casos, o Secretario de Estado do Desporto Laurentino Dias, que foi muito célere no caso de doping do Nuno Assis mantém-se agora num silêncio ensurdecedor e sendo a Federação Portuguesa de Futebol uma instituição de utilidade não se percebe, ou talvez até se perceba e bem o completo afastamento do poder politico destes casos, pois têm medo de hostilizar alguns dos intervenientes.
Só para registar alguns dados sobre o Presidente e o Vice-presidente do CJ da Federação Portuguesa de Futebol que abandonaram a reunião que iria julgar os recursos do Boavista e de Pinto da Costa.

O Presidente é Gonçalves Pereira foi presidente da Assembleia Geral do Gondomar e é vereador (de Valentim Loureiro) na Câmara Municipal de Gondomar.

Por sua vez o Vice-presidente é o senhor Elísio da Costa Amorim, é Deputado do PS pelo círculo de Aveiro, Vereador da C. M. de Santa Maria da Feira, este senhor é Membro da Comissão de ÉTICA da Assembleia da Republica, foi membro da organização do jantar de homenagem a Pinto da Costa na Assembleia da Republica, agora seria um dos membros a julgar o mesmo Pinto da Costa. Este senhor volto a referir é membro da Comissão de ética na Assembleia da Republica, está-me a escapar algo.

"Se outros calam, Cantemos nós"


José Sócrates, primeiro-ministro de Portugal, e Abbas el-Fassi, primeiro-ministro de Marrocos, assinaram ontem vários acordos bilaterais na X Cimeira Luso Marroquina no Forte de São Julião da Barra, em Lisboa.

De todos os assuntos tratados, infelizmente não vi uma única referência por parte do governo português em relação ao Sahara Ocidental, a troco de “cem dinheiros” Portugal neste governo do PS abandonou a sua posição em defesa da autodeterminação do povo saharaui, seria o mesmo que há alguns anos atrás Portugal tivesse abandonado novamente Timor Leste e passado a apoiar as posições políticas do regime da Indonésia a troco de negócios, mas infelizmente foi isso que sucedeu, curiosamente ou talvez não, também a nossa comunicação social não questiona o nosso primeiro-ministro sobre a violência e repressão exercida pelo exercito marroquino contra o povo saharaui, verifico também que nenhum dos especialistas de serviço de direitos humanos da “blogoesfera” se incomode um pouquito apenas com a repressão exercida por Marrocos, contra o povo do Sahara Ocidental.

Em Timor, ou no Sahara Ocidental, “se outros calam, cantemos nós”.

sexta-feira, Julho 04, 2008

Aldeia de Paio Pires

Banco Mundial – “Relatório secreto” culpa biocombustíveis pela alta dos preços.

Fidel Castro foi um dos primeiros a alertar para as terríveis consequências dos agro combustíveis, na altura choveram criticas de todos os lados dizendo que ele estava doente e deveria ser algum delírio, outros diziam que estava a proteger o amigo Hugo Chavez, a argumentação apresentada por Fidel e mais algumas pessoas que se preocuparam com esta questão foram sempre desmentidas principalmente pelos responsáveis políticos dos países chamados desenvolvidos, por cá a sumidade, o menino de ouro José Sócrates continua a garantir que os agro combustíveis são uma boa solução e continua a promovê-los, mas confesso que nem foram os agro combustíveis a questão principal para este post, pois esse é um assunto recorrente por aqui.

O que me levou a escrever este post é que para além de conhecermos o relatório secreto do Banco Mundial em relação aos agro combustíveis, ficámos também todos a saber, a quem realmente servem as instituições como o Banco Mundial ou o FMI, quantos terão sido os relatórios que nunca conheceram a luz do dia para não contrariarem o Presidente dos Estado Unidos ou da União Europeia, quantas terão sido as directrizes, as recomendações baseadas em relatórios que contrariavam os secretos, beneficiando meia dúzia e condenando à miséria milhões de pessoas por todo o mundo. Quando ouvires dizer que o BCE, o Banco Mundial ou FMI são organizações independentes não te esqueças que os senhores que ocupam aquelas poltronas defendem os interesses de uma elite e executam uma política que favorece as elites, estão pouco se lixando para os trabalhadores e para os mais desfavorecidos.

Um filme já visto e revisto, só muda o título

O Tribunal de Contas arrasa a Gestão da empresa Águas de Portugal e tem razões para isso pois parece que estamos presentes uma gestão que se pode apelidar de danosa, porque a quantidade de asneiras e malfeitorias feitas são por demais evidentes e quase diria propositadas, desde investimentos descabidos no estrangeiro, a milhões gastos em renovação de frota e a mais alguns milhões de euros distribuídos pelos gestores, podem ler aqui o relatório do Tribunal de Contas.

Espero que uma vez mais não se aproveite esta gestão danosa para ajudar a justificar a privatização desta Empresa essencial para o desenvolvimento do nosso país e que assegura a gestão de um bem fundamental sem o qual não podemos viver, não podem ser os portugueses a saírem prejudicados pela má gestão de alguns senhores e pela irresponsabilidade dos governos do PSD primeiro e agora o PS que até contribuíram para que a situação atingisse este ponto, este é um filme já visto demasiadas vezes em Portugal, os governos utilizam umas quantas administrações que gerem as empresas públicas de acordo com as indicações vindas dos ministérios, normalmente apresentado resultados deficitários para justificar a sua privatização e depois vemos essas mesmas empresas passarem a ser geridas pelos responsáveis políticos de outrora e apresentado lucros fabulosos e com custos mais elevados para todos nós, escusado será dizer que os incompetentes que antes geriam essas mesmas empresas no sector publico, passaram a ser grandes empreendedores no sector privado.

Até quando te vais deixar enganar pelos “meninos” do PS/PSD.





Só para registar as Câmaras Municipais com maiores dividas à Águas de Portugal Câmara Municipal de Lisboa, no montante de 27,8 milhões de euros, a Câmara Municipal de Loures, que ascendia a 15,9 milhões euros; bem como, das Câmara Municipais de Aveiro, Coimbra e Gaia, que totalizavam, respectivamente, 7,9 milhões, 7,3 milhões e 7 milhões de euros.

Com a política de direita de PS/PSD estamos cada vez mais pobres

O governo do PS continua a sua política de sucesso, os salários reais dos portugueses foram os que mais desvalorizaram entre todos os países da OCDE, 2,6%, esta situação é por demais grave se verificarmos que os nossos salários são menos de metade dos restantes países, a cada dia que passa vivemos num país mais desigual e perante esta péssima situação em que nos encontramos a solução apresentada pelo Partido Socialista é a legalização da precariedade, a redução dos salários dos trabalhadores e a desregulamentação dos horários dos trabalhadores consagrado no mal fadado Código do Trabalho apresentado pelo partido que se diz socialista, elaborado pelos patrões e ratificados pela sempre prestável UGT.

quinta-feira, Julho 03, 2008

Com “meninos” da treta não nos safamos








Todos nós ouvimos dizer que vivemos tempos de grandes dificuldades já o dizem há alguns anos e quem tem pago a crise temos sido nós os que menos temos, basta ver que a banca desde (2004 a 2007) tem visto os lucros crescerem 155,4%, atingindo em 2007 os 4,467 mil milhões de euros, enquanto a nossa condição de vida se agrava cada vez mais, o governo do PS que tem sido célere e duro com os mais fracos cobrando-nos mais impostos e deixando-nos de prestar serviços essenciais, ao mesmo tempo tem sido dócil e fraco com os mais fortes basta ver que a Banca tem visto os seus lucros a aumentar constantemente e o governo continua a fazer-lhes o jeitinho pois a taxa efectiva de IRC baixou uma vez mais para a Banca.

O senhor primeiro-ministro José Sócrates dizia e com razão que a governação PSD/CDS era uma governação falhada, como se podia constatar pela vergonhosa taxa de desemprego de cerca de 7%, hoje o temos uma governação mais do que falhada, a taxa de desemprego é de 7,5%, o custo de vida aumentou brutalmente e o “engenheiro” diz que a crise interna acabou, provavelmente para si e mais meia dúzia de amigos, pois para a maioria dos portugueses, cada dia que passa a crise tem mais graves consequências.

Para ajudar à festa o Banco Central Europeu aumentou as taxas de juro dificultando ainda mais a vida a todos nós, mas este BCE não é autónomo ou independente como nos querem fazer crer os senhores dirigentes do PS, existem responsáveis por esta politica monetária do BCE e entre eles estão o senhor Jose Sócrates e os deputados do PS que têm subscrito esta politica irresponsável do BCE e lhe deram esta pseudo autonomia que muito convém aos governos europeus, pois assim escudam-se no BCE e tentam enganar os tolos dizendo que o único responsável é o Senhor Trichet, mas não, esta politica miserabilista que nos impõem é resultado da opção feita pelos senhores dirigentes do PS/PSD que seria ainda agravada pelo Tratado Europeu.

Infelizmente nem metendo o menino de ouro no “prego” nos safamos porque tendo em conta a peça que estamos a falar, certamente que será falsa, assim só nos resta continuar a lutar para correr com os meninos da treta que no têm governado sejam eles pseudo guerreiros ou pintados de ouro.

Festival Internacional de Teatro de Almada

Começa amanhã um dos maiores festivais de Teatro da Europa, o Festival Internacional de Teatro de Almada, que já vai na sua 25ª Edição, são muitos e de grande qualidade os espectáculos que percorrerão diversos palcos, de entre as peças de grande qualidade não poderia deixar de destacar a presença Berliner Ensemble que leva a cena no Municipal de Almada, dias 12 e 13 de Julho, "Peer Gynt", de Henrik Ibsen, com encenação de Peter Zadeck.

Esta companhia de Teatro de grande qualidade foi criada em 1949 pelo dramaturgo Bertold Brecht e a sua mulher, a actriz Helene Weigel.

Neste Festival participam oito companhias de Teatro de Portugal e 11 companhias estrangeiras, de França, Espanha, Cuba, Itália, Chile Alemanha, e Moçambique.

Aqui podes encontrar tudo sobre o Festival Internacional de Teatro de Almada.

Seixal Férias 2008

O Seixal Férias é uma boa forma de os mais jovens ocuparem os seus tempos livres, existem actividades e iniciativas para todos os gostos e prolonga-se até ao mês de Setembro. A iniciativa integra um elevado número de propostas de carácter lúdico, desportivo, cultural e formativo, destinado a ocupar de modo saudável o tempo livre das crianças e jovens durante a pausa escolar de Verão e que pretendem contribuir para um desenvolvimento pessoal e cívico dos participantes.

Aqui podes encontrar o programa completo do Seixal Férias e das suas inúmeras actividades.

No seguimento do bom trabalho desenvolvido…

O Município do Seixal tem implementado a gestão dos Serviços On-line, de modo a facilitar o acesso dos munícipes aos mais diversos serviços, estes Serviços valeram ao município, o 1º lugar nacional dos Prémios Europeus de Iniciativa Empresarial (European Enterprise Awards), na categoria de redução da burocracia (Red Tape Reduction Award), como tal não é de admirar que uma vez mais o Concelho do Seixal seja um dos nove municípios que intrigarão o projecto-piloto da simplificação de procedimentos nas autarquias, a Câmara Municipal do Seixal foi uma das autarquias que apresentou propostas que visam facilitar a vida aos cidadãos e às empresas.

Com a assinatura deste protocolo a autarquia propõe implementar, até Julho de 2009, entre outras, as seguintes medidas:

- Criar um Balcão Único de Atendimento enquadrado na perspectiva da prestação de serviços num único local (físico ou virtual) e preferencialmente num mesmo momento abarcando assim os conceitos de balcão multi-serviços e balcão integrado;
- Optimizar o funcionamento da prestação de serviços, através da desmaterialização e tramitação electrónica de formulários;
- Desenvolvimento de um projecto-piloto de atendimento online para as temáticas do Urbanismo, tendo por base a plataforma de suporte ao atendimento presencial, através de um "chat - online";
- Desmaterializar e agilizar o serviço de fornecimento de certidões na hora.

terça-feira, Julho 01, 2008

“Bilhetes” para os Jogos Olímpicos no Concelho do Seixal

Neste fim-de-semana irá decorrer no Pavilhão Municipal da Torre da Marinha o campeonato de Portugal de Boccia, serão mais de 100 atletas que irão competir nos dias 4,5 e 6 de Julho no Concelho do Seixal.

Esta será a última etapa do quadro competitivo desta modalidade Paralímpica, antes de Pequim, congregando os melhores atletas do País, alguns deles medalhados nos últimos Jogos Paralímpicos de Atenas.


Os 12 atletas da selecção nacional de Boccia vão estar a competir no Seixal, mas apenas nove serão apurados para os Paralímpicos, que se realizam este ano.

Nos últimos 25 anos, os atletas portugueses de Boccia trouxeram para Portugal 99 medalhas nas diferentes competições internacionais.
O campeonato é organizado em parceria com o Núcleo Almada/Seixal da Associação de Paralisia Cerebral de Lisboa (NAS).

O que é o Boccia

Boccia é uma modalidade praticada com bolas, inspirada num jogo praticado na antiga Grécia. Foi originalmente concebido para ser jogado por pessoas com paralisia cerebral, mas tornou-se tão popular que hoje em dia é praticado por muitas outras pessoas, incluindo seniores. A popularidade deste jogo alastrou de tal forma por todo o mundo, que o Boccia ganhou dimensões de desporto federado num grande número de países. Em 1984, o Boccia foi reconhecido como modalidade paralímpica e desde aí vários atletas portugueses sagraram-se campeões.



Por sua vez nos dias 19 e 20 de Julho no complexo municipal Carla Sacramento irão decorrer os Campeonatos de Portugal de Atletismo esta será a última oportunidade para os atletas que ainda não conseguiram o apuramento para Pequim tentarem a sua sorte e será também uma boa ocasião para os portugueses desejarem boa sorte e verem em competição, todos os atletas que já garantiram a presença nos Jogos Olímpicos, com excepção dos atletas dos 50 quilómetros marcha e da Maratona.

A prática desportiva por parte da população do Concelho do Seixal é uma realidade, bem acima da média nacional e a realização de alguns eventos desportivos mais ou menos mediáticos em conjugação com os eventos de massas (Seixalíada, Seixalíada Escolar, Jogos Seixal, Jogárias, entre outros) que decorrem habitualmente no nosso Concelho, fazem com que o desporto no nosso Concelho seja realmente popular, o desporto para todos, isto não seria possível sem uma política desportiva por parte das autarquias do nosso Concelho e do excelente trabalho efectuado em conjunto, com o movimento associativo e as escolas, não posso deixar de referir uma vez mais que para os sucessivos governos PS/PSD a politica desportiva resume-se a fotografias com os atletas que de quando em vez se destacam, não perderia nada o governo do PS em aprender um pouco com o que se faz no Concelho do Seixal, o desenvolvimento do país agradecia, mas infelizmente parece que não estão para aí virados, basta recordar que o governo deixou de apoiar uma prova com ricas tradições no atletismo português o corta-mato, mais precisamente o corta-mato escolar.